sexta-feira, setembro 08, 2006

Sara Oliveira campeã no Brasil

A nadadora portista Sara Oliveira classificou-se em 1º lugar nos 100M do 46º Campeonato Brasileiro Absoluto, mais conhecido como Troféu Brasil, com o tempo de 1:01.20 repetindo assim o tempo obtido nas eliminatórias. Uma excelente indicação uma vez que a sua melhor marca de sempre e que é recorde nacional absoluto é de 1:00.95. A competição vai decorrer até ao próximo dia 10 de Setembro, no Rio de Janeiro.

Recorde-se que a atleta se encontra transitoriamente a representar o Esporte Clube Pinheiros, clube da cidade de S. Paulo, na qual se situa a universidade onde esteve a estudar durante os últimos 6 meses.

Destaque ainda para os recordes sul-americanos obtidos até agora nestes campeonatos: Tiago Pereira 2:14.64 nos 200B melhorando o seu próprio recorde de 2:15.63; Artur Rocha 25.91 nos 50C batendo o máximo de Pablo Martin e Alexandre Massura que era de 26.00; Gabriella Silva que nas eliminatórias dos 100M fez 1:00.92 melhorando o também seu máximo sul-americano de 1:01.13; estafeta de 4x50L do Pinheiros com 1:29.11 com Fernando Silva, César Cielo, Jader Souza e Nicholas Santos a roubar o recorde de Scherer, Borges, Gueraldi e Jayme de 1:29.31.

17 Comments:

Blogger Duarte Mendonça said...

Excelente!

Ganda surpresa, o melhor registo nacional dos 100 mariposa dos últimos anos, vir do Brasil, numa altura em q por cá a malta ainda está a voltar das férias.

Pergunta minha: este registo, em representação do Pinheiros, será homologado pela FPN para efeitos de estatuto, categorias ou mínimos?

Ou só vale qd q malta vai ao Brasil nadar/acompanhar as férias dos dirigentes da FPN?

sexta-feira, setembro 08, 2006 3:14:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

pergunta pertinente...

sexta-feira, setembro 08, 2006 3:44:00 da tarde  
Blogger Beba Água said...

Entretanto a Sara na final de ainda há pouco dos 50M fez 28.33 o que lhe valeu o 7º lugar. O recorde nacional desta prova é de Filipa Silva com 27.82 desde o Open de Portugal de 2006.

sexta-feira, setembro 08, 2006 6:09:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

e a diferença de treinar num clube bem estruturado e que aposta muito na tecnica e treinar no FCP em que e td industrializado

sexta-feira, setembro 08, 2006 7:29:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Parabens SARA pelos resultados,mais uma atleta que demonstra que aos 21 anos e apesar de alguns contratempos está aí para dar cartas.

sexta-feira, setembro 08, 2006 10:29:00 da tarde  
Blogger Beba Água said...

"Na versão feminina dos 200m borboleta, a promessa de um duelo na final deste sábado. A portuguesa Sara Oliveira, do Pinheiros, medalha de ouro nos 100m borboleta , conseguiu o melhor tempo, com 2m16s29, seguida de muito perto pela pernambucana Joanna Maranhão, do Nikita-Sesi, com 2m16s83. As outras seis finalistas nadaram acima dos 2 minutos e 18 segundos."

in CBDA On-Line

sexta-feira, setembro 08, 2006 11:21:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Ta bem ta bem, agora em 6 meses a Sara fez tudo de bom e nos anos todos que nadou no FCP fez tudo mau " tudo industrializado". É só prazer de dizer mal, do " bota-abaixismo" nacional.
Se a Sara fez as boas prestações que fez foi tudo devido ao excelente trabalho que teve possibilidade de fazer durante anos em Portugal. Aliás só teve possibilidade de ir para o Brasil porque durante todo o tempo anterior esteve em Portugal usufruindo de todas as condições existentes em Portugal e nomeadamente no FCP. Caso contrário o mais que faria era ir apanhar uns banhos de Sol nas praias brasileiras.
Parabéns à Sara e às condições que sempre teve no FCP

sábado, setembro 09, 2006 4:32:00 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Parabens Sara. Mereces... Deves ter um bom treinador , que é o que te falta aki no FCP.

sábado, setembro 09, 2006 11:47:00 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Se a Sara saiu por algum motivo foi! O FCP não tem um treinador à altura do clube que é. É a verdade!

sábado, setembro 09, 2006 10:23:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Para o gabarito desta menina, infelizmente em Portugal, hoje em dia, não há um único clube capaz de proporcionar condições adequadas. E ainda muito menos o clube dela (nacional).
São três ou quatro meninas e dois ou três rapazes os que deveriam emigrar!
Pena para a natação nacional, mas reparem que no futebol é o que acontece e ninguém se queixa...

sábado, setembro 09, 2006 11:25:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Ao contrario do que o anónimo das 11.25 disse acho que há vários clubes capazes de proporcionar a estes atletas condições. O que não há é possibilidades de conciliar estudos e/ou horário laboral com as exigências do treino para este nível de resultados mas aí não é o clube da Sara ou outro clube qualquer que tem responsabilidades. Se calhar somos todos nós que vamos a correr comprar o jornal porque o futebolista deu um espirro mas não damos importancia a que um nadador foi finalista num campeonato mundial

domingo, setembro 10, 2006 11:56:00 da manhã  
Blogger Méninho said...

Concordo em pleno com o anónimo das 11.56 em todos os aspectos.

domingo, setembro 10, 2006 2:05:00 da tarde  
Anonymous nadadeira said...

atenção q a sara ganhou também os 200m com 2'15''52 :) está em boa forma, sem dúvida! os meus parabéns!

domingo, setembro 10, 2006 2:44:00 da tarde  
Blogger Beba Água said...

A nadadora portuense venceu os 200 metros com o tempo de 2:15.52, ligeiramente acima do seu recorde nacional absoluto de 2:12.56, alcançado nos Europeus de Berlim2002.

domingo, setembro 10, 2006 4:55:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

ANTEÇAO! Phelps no C.L. Clube lisnave!

domingo, setembro 10, 2006 6:54:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

quando uma atleta tem qualidade, essa aparece em qualquer parte do mundo, sem desculpas nem "sopa"...parabéns Sara

domingo, setembro 10, 2006 8:04:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Psstt.. Susana Miguel fora da SFUAP!! Carlos Freitas o que fará da sua vida agora ??

segunda-feira, setembro 11, 2006 8:08:00 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home