segunda-feira, janeiro 28, 2008

Participação positiva em Santos

Daniela Inácio (Belenenses) terminou a II Maratona Internacional de Santos na 18.ª posição, com o tempo de 2:06:22.57, enquanto Daniel Viegas (Amadora) se classificou em 25.º (2:00:22.22) e Vasco Gaspar (União Piedense) em 26.º lugar (2:00:31.11).

Na prova feminina terminaram os 10 quilómetros 34 nadadoras, com a russa Larissa Ilchenko a ser a mais rápida (2:04:03.57). No sector masculino a competição brasileira foi ganha pelo italiano Valério Cléri (1:58:42.10) e cortaram a meta 43 atletas.

A maratona foi realizada num percurso a duas voltas com cinco quilómetros em mar aberto e os nadadores portugueses mantiveram-se próximo do grupo da frente durante a primeira metade do trajecto. Na passagem dos cinco quilómetros o grupo da frente aumentou a velocidade e Daniel Viegas e Vasco Gaspar, que fizeram o trajecto sempre muito próximos, não conseguiram acompanhar o ritmo. Os internacionais lusos mantiveram-se no segundo grupo de nadadores, que terminou a cerca de dois minutos dos vencedores.

A prova foi disputada num ritmo muito intenso e com uma grande disputa entre os participantes. Vasco Gaspar chegou ao final da prova com o aparelho dos dentes partido e uma nadadora norte-americana teve de ser assistida, suspeitando-se de fractura de uma costela.

A II Maratona Internacional de Santos foi a primeira de nove etapas do Circuito Mundial de Águas Abertas, do qual Portugal faz parte, através da Taça do Mundo de Setúbal, que se disputa no dia 28 de Junho. (Texto in FPN On-Line)

- Declarações de Nuno Dias e Vasco Gaspar
- Resultados Completos Taça do Mundo Brasil 10km: MAS / FEM
- Vídeo reportagem in TV Globo

Etiquetas: , ,

9 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Parabéns!

segunda-feira, janeiro 28, 2008 10:26:00 da manhã  
Blogger Beba Água said...

Granda prova dos 3!
É mesmo para dizer, PARABÉNS!!!

segunda-feira, janeiro 28, 2008 10:31:00 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Toca a continuar a treinar. Foi muitissimo positiva esta vossa participação. Só falta rodagem neste tipo de provas.
Miguel Arrobas

segunda-feira, janeiro 28, 2008 10:45:00 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Muito bem, grande participação, bons resultados, Portugal orgulhoso.
Proposta: complementar os treinos com umas sessões com a Telma Monteiro e o Nuno Delgado, para aprender umas técnicas de auto-defesa :)

PARABÉNS

segunda-feira, janeiro 28, 2008 11:54:00 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Parabéns aos 3!

segunda-feira, janeiro 28, 2008 9:11:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Fiz umas contas por alto e tendo em conta que só pdem participar no mundial 2 de cada selecção(não nos podemos esquecer que os australianaos n estavam presentes), o viegas ficaria em 14º e o vasco em 15º e daniela em 16º.
Claro que isto é só teoria e não a pratica,mas só posso considerar estes resultados virtuais do mundial altamente positivos.(claro falta incluir pelo menos os australianos e pessoal que desistiu ou não foi).Por isso acredito em posições no mundial nos 22 primeiros pos tugas masc e fem.E se não der pa apurar ninguem em sevilha,face as regras do apuramento não m admirava nda que algum dos tugas se apurasse no testevent.
Estou muito surpreendido e optimista face ás reais possibilidades de algum portugues se apurar para os jogos na estreia das aguas abertas nos jogos.

segunda-feira, janeiro 28, 2008 10:21:00 da tarde  
Blogger Beba Água said...

Contas são contas, e embora em parte concorde (sempre me pareceu k a Daniela tinha hipoteses), não faltaram só os australianos.

Faltaram em masculinos 2AUS, 2GER, 2NED, mais alguns europeus, como o grego, o belga e outros mais.

Em femininos as coisas estão mais sorridentes pá Daniela, mas msm assim n será nada fácil.

De qq forma e como dizias, há mt boa gente surpreendida com essas tais "reais possibilidades de algum portugues se apurar para os jogos na estreia das aguas abertas".

Pelo menos estão na luta!

segunda-feira, janeiro 28, 2008 10:31:00 da tarde  
Anonymous Doctor House said...

BA, aproveitando as contas aqui feitas relativamente aos jogos, gostaria de comentar as afirmações feitas por Vicente Moura, presidente do Comité Olímpico de Portugal ao Expresso do passado sábado.
Realmente, nós que vivemos com paixão e intensidade esta modalidade, por vezes quase esquecemos a falta de dimensão internacional que tem a natação portuguesa.
Diz Vicente Moura que tem expectativas elevadas para os atletas portugueses que participarão em Agosto, nos Jogos de Pequim 2008."Só a excelência estará lá. Queremos medalhas. Prevemos quatro ou cinco vitórias e 64 pontos, o que serão os melhores resultados de sempre do olimpismo português." E indica uma lista de atletas que inclui Francis Obikwelu, Rui Silva, Susana Feitor, Naide Gomes e João Vieira (atletismo), Sérgio Paulino (ciclismo), Joaquim Videira (esgrima), Telma Monteiro (judo), Vanessa Fernandes (triatlo), Bruno Faria (tiro com armas de caça) e Gustavo Lima (vela), além da selecção de futebol Sub-23.
Deixa-nos triste que, apesar de já termos nadadores apurados, não sejam citados. Mas tem razão, porque nem em sonhos é possível pensar numa medalha. Nem sequer aquele prémio de consolação muito falado, que seria a presença numa final, se afigura possível em Pequim.
É esta a verdade da nossa natação. Esperemos que atletas como o Venâncio, o Diogo Carvalho,o Pedro Oliveira, que ainda são novos e têm apresentado capacidade de progressão, e outros que apareçam, nos possibilite que em Londres 2012 tenhamos outros objectivos.

segunda-feira, janeiro 28, 2008 11:54:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Interessante que o Vicente Moura apontou muita gente mas esqueceu-se do Nelson Évora....daí se vê a atenção que dá

quinta-feira, janeiro 31, 2008 6:13:00 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home