sexta-feira, abril 18, 2008

Alterações aos Regulamentos da Natação Pura

Junto apresento a proposta da FPN de consulta aos Clubes apresentada a 24 de Fevereiro em Rio Maior para alterações aos Regulamentos da Natação Pura para o ciclo 2008-2012. Não sei contudo, qual foi o feed-back (ou sequer se houve algum) dos Clubes, que tinham até dia 5 de Abril para contestar ou sugerir outras alterações.

Destas alterações destaco o alargamento a dois anos do escalão de Juvenis femininos e a uniformização dos Torneios Nadador Completo das várias Associações com vista à elaboração de um ranking nacional (algo que o BA já reclamava há uns 2 anos), mas apenas para INF e JUV.

Estranheza ainda para a apresentação de uns Campeonatos Absolutos de Portugal de Piscina Curta a realizar entre Março e Abril, para nadadores JUN e SEN. Actualmente esta competição realiza-se em Piscina Longa, sendo que este ano até coincidiu com o Open de Portugal.

A nível colectivo a Taça de Portugal é para manter, mas os Nacionais de Clubes vão sofrer grandes alterações. No primeiro ano de vigência do novo modelo, manter-se-á a estrutura, evoluindo posteriormente para uma 1ªDivisão com 8 clubes, 2ªDivisão igualmente com 8 clubes, 3ªDivisão com 16 clubes e uma 4ªDivisão com 24 clubes. Os restantes disputariam o acesso a esta, num Torneio de Qualificação.
- 1ª e 2ª Divisões: Disputa em Piscina Longa com participação de 2 nadadores/prova, mantendo-se o agendamento para Dezembro.
- 3ª/4ª Divisões e Torneio de Qualificação: Disputa em Piscina Curta com participação de 1 nadador/prova com agendamento para Dezembro ou Março/Abril.

- Proposta de alteração da FPN

Etiquetas: ,

48 Comments:

Anonymous Anónimo said...

O Torneio de Qualificação tem todos os anos tido mais participantes, agora com mais 8, vai ser lindo vai. Vai ser o caos! Abram os olhos e n se fiquem a olhar apenas pá 1ª2ª divisões, k já agora com dois nadadores por prova vai obrigar a ter 8 nadadores pelo menos, assim até o SAD desce de divisão... ahahahahahah

sexta-feira, abril 18, 2008 9:48:00 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

entao os seniores passam a ter os seus campeonatos absolutos apenas em Marco/abril? ate la ficam a dar umas bracadas por diversao? (excluindo o nacional de clubes que parece ter 1 formato bastante "comico")

2 nadadores por prova nos nac de clubes? entao os clubes que se encontram em zonas menos povocionadas como fazem? se era dificil arranjar 5/6 atletas agora passam a precisar de 12 atletas? absurdo nao?

provas de 3000? series que demoram mais de 30 mints...PATETICO! querem divulgar as aguas abertas realizem mais travessias e facam o ranking a partir das travessias...nadar em mar e nadar em piscina nao tem nada a ver!

sexta-feira, abril 18, 2008 10:46:00 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

So uma pergunta que não tem nada a ver com isto...
sera que vamos ver o paulo santos ou o luis monteiro do fcp tambem a nadar com LZR ??

sexta-feira, abril 18, 2008 11:00:00 da manhã  
Anonymous damp said...

fogo nacionais de clubes em piscina de 50m...n pode...

a beleza dos campeonatos tá msm em ser em piscina de 25...nunca sabendo quem irá chegar a frente...

provas mt mais rápidas e mt mais interessantes...

pois temos de estar concentrados totalmente...basta falhar uma das mts viragens e vai tudo por agua abaixo...

sexta-feira, abril 18, 2008 11:02:00 da manhã  
Blogger Beba Água said...

eu se tivesse um, não o deixava em casa...

relativamente a esta alterações, estou bastante satisfeito com a intenção de uniformizar o nadador completo e realizar um ranking, acho mesmo k deveria ser feito para todos os escalões.

as juvenis femininas tb é bom, assim não dão o salto tão cedo para juniores, nem chegam a seniores, algumas ainda com 16 anos.

os campeonatos nacionais de clubes... n sei bem, pago pra ver, mas o facto de serem em longa (1ª2ª) e em dezembro e dp os seniores terem camp. nac. de curta em março, está-me a confundir as ideias...

agora é aguardar pelo documento final a implementar já para a próxima época

sexta-feira, abril 18, 2008 11:07:00 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Bom Dia

Sou Presidente do Viana Natação Clube e esta proposta de alteração do regulamento das competições nacionais foi objecto de discussão não só no meu clube mas também na Associação de Natação do Minho, tendo chegado à conclusão que havendo alguns aspectos positivos (idade das juvenis e rankings) existem muitos mais aspectos negativos.
Não sei se esta proposta foi discutida também noutras associações e quais as posições assumidas mas seria importante todos termos um feed-back das resoluçõs.
E seria também importante que quem se pronuncia se identificasse para que as opiniões não se refugiem no anonimato.
Acresce que não compreendo como é que a Federação (que vai a eleições em Novembro e pode não ser eleita) pretende já condicionar toda a actividade das próximas direcções quer da Federação quer das Associações (que tambem podem não ser as mesmas pois também vão a eleições)pois as candidaturas terão de ser apresentadas até Maio (acho) para os quatro anos seguintes. O que se pretende com isto?
Em relação à proposta existem vários contrasensos para os quais não conseguimos explicações.

1º- Porque piscina longa? Quantas piscinas de 50 metros existem em Portugal com condições para receber provas no Inverno? O que pretende a Federação? Que razão para os nacionais de clubes serem em Piscina Longa e depois só há novamente prova de piscina longa no Verão.

2.- Porquê os juvenis e juniores terem provas de 25 metros em Dezembro, quando depois a maior parte deles participa em representaão dos seus clubes nos nacionais colectivos? As preparações são diferentes e fica beneficiado quem não tem provas em piscina curta e os clubes que têm possibilidade de ter um maior número de seniores, ou seja, os grandes clubes ou localizados nas grandes cidades.

3.- Dois nadadores por prova? Em que é que isto iguala os clubes com campo de recrutamento e os outros? Não iguala, diferencia ainda mais.

4.- Custos económicos para os clubes: mais alojamentos, mais refeições, mais deslocações.

5.- Como alguém já chamou a atenção: fase de qualificação, como será? ou vai haver uma pré-qualificação para a qualificação (até tendo em atenção que todos os dias se inscrevem mais clubes na Federação).

6.- A ser em piscina longa a 1/2ª divisões (o que somos contra) porque motivo a 3/4 não é também em piscina longa ? Será que estes clubes não têm direito a visitar também as grandes cidades. OU a Federação pretende poupar nos subsídios às deslocações?

Hoje fico por aqui.

Cumprimentos
Luis Louro

sexta-feira, abril 18, 2008 12:13:00 da tarde  
Anonymous Doctor House said...

Totalmente a favor de os Campeonatos de Clubes serem em longa e serem 2 nadadores por prova.
Desde ja digo que considero o Campeonato Nacional de Clubes a prova mais fantástica de toda a época.Isto para os nadadores e, se passar para PL, também para o público, pois até agora ocorreu em piscinas que não tinham hipóteses de albergar a assistência que esta prova merece. Uma prova destas numas bancadas como do Jamor seria uma coisa absolutamente fantástica. Em termos da verdade desportiva, quer se queira quer não, em longa é que é. Chega de empurra paredes. Aliás, acho que em curta as provas acima de 800 metros deviam acabar.
Quanto à questão dos 2 nadadores, vai ser uma forma de igualar os clubes. Pois actualmente uma equipe pode ter 2 ou 3 excepcionais, que chegam para fazer a diferença. A partir de agora não. Claro que os clubes já não poderão ir com 5 ou 6 nadadores, se calhar, muitos clubes terão de meter infantis. Mas assim é que se vê a verdadeira dimensão dos clubes.
Em termos de lógica internacional ficamos agora de acordo com o resto da Europa e Mundo. Longa até ao Natal, passando depois para curta, fazendo os Nacionais de Juniores e Seniores em curta em Março, pois é quando ocorrem os Mundiais de PC. Depois volta-se à longa até ao fim da época.

sexta-feira, abril 18, 2008 12:34:00 da tarde  
Blogger Beba Água said...

"...Longa até ao Natal ... de acordo com o resto da Europa e Mundo"

sério? pensei que fosse curta... taças do mundo e meetings todos em curta, a longa só em janeiro.

mas dá lá exemplos k posso ser eu k n tou a ver bem.

sexta-feira, abril 18, 2008 12:50:00 da tarde  
Anonymous damp said...

pois e depois clubes com dinheiro contratam nadadores para apenas se reforçarem nessas provas e os que nao têm dinheiro, descem por ali abaixo...

querem transformar a nataçao em futebol? onde os mais ricos apenas ganham?

sexta-feira, abril 18, 2008 12:58:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

concordo com o anonimo das 11:02, o espectaculo dos nacionais de clubes esta em ser em piscina de 25 metros. Eu sou nadador, e a 3 anos que participo em campeonatos de clubes, e digo desde ja que o ambiente em 25 e mt melhor que em piscina de 50 para este tipo de provas.
Nao sei se alguem que escreve aqui esteve a 3 anos em pacos de ferreira, o ano passado em loures, e este ano em silves, mas se tiveram poderam ver que o ambiente foi fenomenal.
Entao este ano em Silves, bom nem digo nada, so vou dizer que so se decidio o campeao da 1 divisao na ultima jornada e nas ultimas provas.

Nao sei se os senhores da federaçao sabem, mas nao existem assim mts piscinas de 50m capazes de receber os nacionais de clubes, passo a dizer algumas com condiçoes e cobertas( necessario): 1- Coimbra, 2- Jamor,3. Eul( estadio universitario), 4-Povoa de Varzim, 5-rio maior, 6-Vila franca de xira, 7-braga( num futuro proximo).

Ou seja com as provas em 50m obriga que as provas sejam sempre nas mesmas piscinas.
Enquanto que em piscinas de 25m , pode mt bem continuar a "rodar" pelo pais.

Em relaçao aos clubes, se isso for para a frente, e mt mau, pois nem todos os clubes treinam em 50m, a maior parte treina em 25m, e é mt mau porque para a maior parte dos clubes é a 1 prova em piscina de 50m da epoca, o que vai por em desigualdade mts clubes, e os espectacula vai ficar mau, mt mau.

Por ultimo, 2 nadadores por prova um absurdo completo, a adrenalina, e o espirito, e o nervosis mo, esta em ver o unico atleta que vai nadar, ex: 100C a tentar a melhor classificaçao, para conseguir os pontos. por isso com 2 atletas isto vai perder o animo por completo.

Por isso acho que isto nao vai beneficiar em nada os clubes e o espectaculo.
:D

sexta-feira, abril 18, 2008 12:59:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

acabou.se o treinar so para o nacional de clubes! e assim a verdade desportiva fica sem duvida muito mais clara, pois deixa de existir certas e determinadas situaçoes de regressos so para o nacional de clubes... so tenho "pena" do CFV por ter uma equipa curta e "nao poder" ombrear com equipas mais extenças... (mas so mesmo pelo plantel reduzido)

sexta-feira, abril 18, 2008 1:15:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

vai ser giro ver equipas a irem aos nacionais de clubes em olímpica sem terem posto o cu numa piscina olímpica...vai ser um mimo...

sexta-feira, abril 18, 2008 2:13:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

a partir de quando é que estas novas "leis" entram em vigor, nomeadamente o facto de o escalao de juvenis passar a ser de 2 anos?

sexta-feira, abril 18, 2008 2:18:00 da tarde  
Blogger Beba Água said...

Assim acaba-se com os nadadores que apenas treinam para o nacional de clubes? Mas isso é um bom argumento para quem? Será que quem nada e gosta de nadar deve ser obrigado a fazê-lo 11 meses por ano? Será que um nadador que apenas faz 3 meses é menos que os outros para ser deitado fora e pior que tudo, seja motivo de regozijo para os demais?

A minha resposta é claramente NÃO!

De qualquer modo esses nadadores não vão acabar ou desaparecer, simplesmente vão mudar a sua “época” de Outubro – Dezembro, para Janeiro – Março.

E não duvidem que essa malta traz espectáculo e faz falta. Quantos de voz (exemplo) depois de Óbidos, já faziam contas à SFUAP com o Ricardo Coxo? A verdade é que ele acabou por não pode ir. Essa pouca certeza na constituição das equipas trás sempre muita emoção por antecipação por causa das previsões que todos fazemos, apostando no jogo BA, ou não.

sexta-feira, abril 18, 2008 2:26:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

BA..eu tenh a mesma duvida do anonimo das 2:18.será que nos sabes responder?

sexta-feira, abril 18, 2008 2:44:00 da tarde  
Blogger Beba Água said...

Em principio já em 2008/2009.

O documento em causa chama-se "Proposta de Alteração dos Regulamentos dos Campeonatos Nacionais para 2008-2012" e está pensado para um ciclo olímpico completo.

sexta-feira, abril 18, 2008 2:54:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

A Propsta da FPN foi discutida em todas as Associações. Se as alterações foram feitas é porque os presentes assim concordaram.

Não vale de nada andarem agora aqui a dar propostas porque nada vai mudar. Queriam ter uma palavra a dizer? Estivessem presentes, como eu!

Demos a nossa opinião, se eles querem pôr um Nacional de Piscina Curta em Março o que é que havemos de fazer?...

Dois nadadores por prova vai estimular a verdadeira essência de um clube. Um clube com 12 nadadores bons é mais CLUBE do que um com 6 vedetas. Mais nada. O NACIONAL DE CLUBES é uma prova de CLUBES, não de individualismos. Para isso esses clubes têm os outros Campeonatos para se afirmarem.

TENHO DITO.

sexta-feira, abril 18, 2008 2:55:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

8 equipas na 2ª? ESTÁ TUDO LOUCO???

sexta-feira, abril 18, 2008 3:23:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

O "tipo" continua a destruir o que de bom havia.

sexta-feira, abril 18, 2008 4:00:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

(peço desculpa, isto vai como se fosse anónimo porque não consigo de outra maneira=

Em relação ao anónimo das 2.55 tenho a informá-lo que na associação de natação do minho esta questão apenas foi discutida na passada semana.
E foi discutida na sequência de um mail da direcção técnica nacional que enviou a proposta que agora é apresentada.
Ou seja, não foi discutida e aprovada nas associações.
Foi discutida e "aprovada" em reunião técnica, não em reunião de clubes nem de associações.
Essas reuniões, se existiram noutras associações, terão sido posteriores à proposta.
Luis Louro

sexta-feira, abril 18, 2008 4:04:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

2 nadadores por prova é, na prática, negar a participção a alguns clubes nos nacionais.
É o elitismo do senhor quero, posso e mando a imperar.
É desprovido de total fundamento dizer-se que tal medida vai "estimular a verdadeira essência de um clube" no actual quadro da natação portuguesa, quando, por falta de incentivos e apoios governamentais à modalidade, são poucos os nadadores que chegam a seniores.
Para 2 nadadores por prova já chegam os regionais de clubes de infantis...

sexta-feira, abril 18, 2008 4:28:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Eu falo do clube que conheço. Os nadadores que têm aguentado até Dezembro para ajudar o clube nos nacionais de clubes, e tem acontecido todos os anos, são pagos e bem pagos.
Treinavam de Setembro a Dezembro, agora, se quiserem, passam a treinar de Janeiro a Março. Já se sabe que em termos escolares não é tão conveniente.
Agora, se calhar, nem todos os clubes podem fazer isto. Portanto estes nadadores "para os nacionais de clubes", se calhar, não contribuirão do melhor modo para a verdade desportiva.
Também acho que se um clube não tem 12 nadadores por sexo para o representar, mais vale mudar de vida.
Nunca a natação portuguesa teve tantos nadadores em provas internacionais. Os recordes continuam a cair. Os clubes têm muito mérito, mas a federação tem ajudado.

sexta-feira, abril 18, 2008 4:46:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Pois, só o CNA tem três Olímpicos, quase metade do total.

Isso é o único sucesso obtido pelo presidente da fpn.

Para além dos títulos de clubes...

Continua e rói ó frish...

sexta-feira, abril 18, 2008 5:13:00 da tarde  
Anonymous sidney said...

devia era de aver 3 anos de juvenis Masc. e nacionais para cadestes...
visto que este escalao tem sido o que mais tem evuluido nos ultimos anos...
e com o passar du tempo os cadetes ficam fartos de n irem a provas a nivel nacional...

sexta-feira, abril 18, 2008 5:26:00 da tarde  
Blogger FluvialCadetes said...

Viva.
Também sou da opinião de que os Nacionais de Clubes perdem emotividade em piscina longa.

Já viram os Nacionais Universitários Americanos? Em piscinas de jardas? Bem pequennina... É fantástico! E claro, nem todos os clubes podem treinar em 50...

Quanto à proposta do anterior "comentador", calma. Os Cadetes têm muito tempo para se preocupar com Rankings, Resultados, Medalhas, etc. Toda a gente sabe...

Abraços

sexta-feira, abril 18, 2008 5:36:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Ditador sempre em grande plano! Ridiculo!

sexta-feira, abril 18, 2008 10:51:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

gostava q me respondessem a seguinte pergunta: as juniores femeninas de segundo ano para a proxima epoca continuam no mesmo escalao ou passam a seniores?

sexta-feira, abril 18, 2008 11:03:00 da tarde  
Anonymous Doctor House said...

Beba Água disse...
"...Longa até ao Natal ... de acordo com o resto da Europa e Mundo"

sério? pensei que fosse curta... taças do mundo e meetings todos em curta, a longa só em janeiro.

mas dá lá exemplos k posso ser eu k n tou a ver bem.

Estimado Bebe Água,
Há muitos meetings de Setembro a Dezembro em curta, além das provas da taça do mundo, mas também há muitos em longa. Como exemplos de longa:
18/10 - Meeting Internacional Hungria
18/10 - Meeting Internacional Coacia
25/10 - Meeting Internacional Belgrado (Sérvia)
25/10 - Arena Cup (Hungria)
7/11 - Serbian Grand Prix
15/11 - Meeting Internacional San Marino
24/11 - Open Sabadell
5/12 - Dutch Open
8/12 - Alexandria Grand Prix

Esta não uniformidade também ressalta entre os europeus e os mundiais. Os Europeus de PC costumam ser em Dezembro (o próximo é em 11/12), e os Mundiais de PC na Páscoa (o próximo é em 07/04/2010).
Tudo depende dos objectivos dos atletas, mas, na minha opinião, mesmo na chamada época de PC, os nadadores podendo devem priveligiar o treino em longa, fazendo só o treino específico de preparação às provas em curta.
Mas o calendário não é a questão mais importante. O que sou totalmente a favor é que os Campeonatos de Clubes sejam em longa.

Ainda relativamente à questão dos dois nadadores, além do que já anteriormente disse, há um pequeno pormenor que quero acrescentar. É que actualmente, na 2ª divisão, com 1 nadador em 16 clubes, a desclassificação numa prova é extremamente penalizadora. Com dois nadadores este problema é amenizado.
Além disso, continuo a dizer, que se quer uma prova para valorizar realmente uma equipa, avance-se para 2 nadadores. Os clubes que tiverem uma boa formação, que tiverem boas estruturas, que conseguem criar condições para que os nadadores não desertem, vão ser os beneficiados. Já não vai bastar acenar com as lequas e contratar dois ou três nadadores. É preciso uma equipe.

sexta-feira, abril 18, 2008 11:12:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Meus caros, dizem vocês que os Nacionais de Clubes perdem espectacularidade se forem realizados em piscina olímpica? Respondam-me a uma simples questão: estiveram presentes nos Nacionais de Clubes de 2003, no EUL?

sexta-feira, abril 18, 2008 11:21:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Concordo plenamente com dois atletas por clube e por prova nos Nacionais de clubes da 1ª e 2ª Divisáo, o que vai fazer com que os clubes apostem muito mais na formaçao de jovens.
Juvenis Femeninos de 2º Ano concordo tb plenamente, estas estam a chegar cedo de mais aos Juniores levando a saida precoce devido à intensidade dos treinos e tornando estes campeonatos de juvenis muito mais disputados.

sábado, abril 19, 2008 11:56:00 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

que estupidez, o grupo de treino de juvenis e juniores é o mesmo!

sábado, abril 19, 2008 12:32:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Acho positivo que sejam efectuadas alterações, no sentido de aumentar o número de praticantes no escalão sénior. Os clubes têm de pensar de uma forma completamente diferente, tendo em conta que é na quantidade que se torna mais fácil obter uma qualidade diferente, sem nunca esquercer a evolução da modalidade, nomeadamente contra o interesse económico de alguns treinadores oportunistas. Porém, determinados treinadores que se aproveitam das limitadas capacidade de alguns dirigentes, vão ter que trabalhar mais e melhor, nomeadamente na motivação de mais jovens e não só de um ou dois, aonde conseguem obter intersses económicos pessoais, bem como obter algo para enganar os outros.

sábado, abril 19, 2008 12:56:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Acho que os nacionais de clubes deviam ter não 1 nem 2 nadadores em cada prova, pelo menos nas provas de estafetas deviam participar 4

Tal como o anonimo acima também TENHO DITO

sábado, abril 19, 2008 4:07:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Uma dúvida me apareceu. Com a obrigatoriedade de nadarem 2 nadadores por clube cada prova, quantas provas pode cada nadador nadar no total das jornadas do campeonato? é que se for apenas 3, como até aqui, mais as estafetas parece-me que não há que preocupar com provas de qualificação e mesmo de fazer contas a quantos clubes podem participar na 4ª divisão porque suspeito que não vai haver clubes para preencher os lugares todos das 3 primeiras divisões quanto mais a 4ª divisão e os torneios de qualificação. A ver vamos...

sábado, abril 19, 2008 4:12:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Sim, era preciso alterar as coisas...

O SAD tá onde tá...

Culpa de kem?

De kem tá a fazer mais esta falcatrua...

sábado, abril 19, 2008 4:26:00 da tarde  
Anonymous CROK said...

Nacionais de clubes com 2 nadadores/prova!!! Isto e para ficarem muitas provas por nadar, ou entao recorer a infantis!!!

E ja nem se fala na 3ª e 4ª divisao... qe ai entao...para algumas equipas vao nadar os cadetes nao?!

As unicas coisas qe se fez de jeito ainda foi aumentar um ano as juv. fem. e oranking nacional de nadador completo!!!

abc e bjinhos

sábado, abril 19, 2008 6:22:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

lol 2 nadadores por prova vai ser lindo.Alguns clubes a irem federar atletas das escolinhas de natação só pa poderem articipar no nacional de clubes.

Quanto a ser em longa concordo.Acho contudo que deveria existir um nacional abs de curta em dezembro e na semana a seguir o nacional de clubes mas em longa.Piscinas possiveis para o efeito:Eul,jamor,coimbra e rio maior.Ou se a federação arranjasse meio de apoiar, tb seri espectactular ter a 1ª e 2ª divisão a disputar na Penteada,na madeira, o nacional de clubes.Pelo menos dar uso a essa magnifica piscina com uma grande competição.Para os que disseram vila franca de xira é pk n sabem que se pode apenas comeptir em 6 pistas(apesar de a piscina ser muito boa) e que esta n tem piscina de descontracção.Povoa de varzim não me parece ser o melhor local para realizar marcas "espectaculares".

Em março ou abril não tem lógica nenhuma fazer nacionais em piscina curta.Quando todos os países apostam cada vez menos em nacionais de curta tendo no maximo uma competição para o efeito(record que para além do ncaa,nos eua já n era realizado um capeonato de curta à 28 anos!), portugal vai meter um campeonato de piscina de 25 a meia da epoca! é ridiculo.

sábado, abril 19, 2008 7:17:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

ba podes-me explicar uma coisa?

se este regulamento entrar em vigor ja para o ano, as juinores de 1º ano são o que?

se as juvenis se mantiverem e as juniores subirem, nao ha juniores de 1º ano..

afinal como é?

sábado, abril 19, 2008 7:51:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Ta td louco?
Não só um pouco
Senão vejamos:

1. A favor de uma homogeneização do nadador complecto. Aliás só peca por tardia mas é sempre bem vinda.

2. Juvenis fenininos dois anos: perfeitamente de acordo. Parece-me um salto demasiado rápido de um ano apenas num escalão. E só vejo vantagens, nomeadamente não se perdem atletas femininas tão cedo.

3. Provas de 3000: aqui começa a loucura. Que raio de distância é esta? Qual o objectivo? Alguém pode responder?

4. Nacionais de clubes em 50. Vantagem para quem? Só para os clubes dos grandes centros urbanos ou periferias.

5. 2 nadadores por prova? Mais uma vez que são os grandes beneficiados são os grandes clubes, que têm uma peleiade de atletas quase sem limites.

Resultado:
O sufoco das equipas mais pequenas e de menores recursos, sem se perceber com que objectivos. Ou talvez não.

Conclusão:
Alguém se passou lá para os lados da Cruz Quebrada

sábado, abril 19, 2008 9:36:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Acho que algumas das alterações só desfazem as alterações que foram feitas há uns anos.
Os Nacionais de Clubes passaram para PC há muito pouco tempo (não é que eu concorde com a sua realização em PL).
Juvenis F com 2 anos (concordo totalmente), foi há mais tempo mas também não foi assim há tanto...
Enfim... faz, desfaz.
Logo se vê!

sábado, abril 19, 2008 11:47:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

tenho uma pergunta os juvenis femininos deste ano para o ano vao passar para juniores ou ja ficam em juvenil????

domingo, abril 20, 2008 12:11:00 da tarde  
Anonymous Rui Bouquet said...

Como é que na primeira linha de um documento da FPN pode aparecer algo como "afigurasse‐nos"?? Afigura-se-me que esse português já teve melhores dias...

domingo, abril 20, 2008 4:36:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Sim senhor Rui!
Afigura-se-nos! (bom português se escreve e lê); como tá no documento lê-se afigurásse.nos!

domingo, abril 20, 2008 5:36:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

"uniformização dos Torneios Nadador Completo das várias Associações com vista à elaboração de um ranking nacional (algo que o BA já reclamava há uns 2 anos), mas apenas para INF e JUV."

Para quê?

Supostamente existirá um Ranking Nacional de Infantis para o Torneio de Fundo, com os premios a serem entregues nos Campeonatos Nacionais.

Na epoca passada, em Faro, alguem viu esse premio? Eu estive lá e não vi ... alias ninguem viu ... nem os nadadores ...

Vamos abrir uma petição online para a recolha de fundos, porque a FPN deverá estar com os cofres vazios.

Sim, porque este ranking são só umas taçinhas ... não envolve deslocações, almoços, amigos ...

domingo, abril 20, 2008 7:35:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

ya o torneio de fundo dava premios pros 5 primeiros que era para entregar em Faro e ninguem viu premios, mas os treinadores que sabiam da cena tambem nao refilaram por isso tambem têm culpa

segunda-feira, abril 21, 2008 1:44:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

É giro ver tanta confusão em torno de algo que não está definido... Falaram de uma reunião técnica para discutir com as associações... as associações levaram o documento para casa para reunirem com os seus clubes e enviarem o seu parecer até 15 de Abril para a FPN.
Se todas as associações fizeram esse trabalho... todos os clubes foram ouvidos... Querem mais liberdade de opinião?

terça-feira, abril 22, 2008 3:53:00 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

É...O problema é que quando não há critérios que suportem as decisões tomadas utiliza-se logo o "critério do seleccionador". E contra esta tomada de decisão não há argumentos! Que o diga o Vitor Baía

terça-feira, abril 22, 2008 2:02:00 da tarde  
Anonymous MOK said...

Oh anonimo das 3:53 AM

Isso que dixeste podes me confirmar se e mesmo verdade???

Gostaria de saber se isso e oficial de ser ate dia 15 de abril discutido entre clubes de cada associação e esta depois mandar o seu parecer, pk da minha associação não ouvi nada

Abraço

quarta-feira, abril 23, 2008 10:16:00 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home